Uma dança conhecida por sua sensualidade, é uma das atrações mais solicitadas em eventos. Além da versão clássica, outras variações com elementos cênicos (alguns característicos de danças folclóricas) como véus, bastões, espadas, velas, e “a dança do Golfo” (Khalige), são escolhas possíveis para compôr um show.

A dançarina faz três apresentações, incluindo uma com o homenageado. Temos a opção de música ao vivo com instrumentos árabes: derbak, pandeiro, teclado e tabad.

Conceituada professora de dança do ventre (e danças folclóricas árabes), que estudou a cultura e os movimentos com mestres no Cairo, Egito, desenvolve o conceito de que essa arte milenar, que é a expressão do feminino, faz aflorar os mais profundos sentimentos da mulher.

Segundo esta bailarina e coreógrafa, que lidera nosso grupo de dançarinas, e dá aulas, palestras e workshops desde 1995, dançar faz bem a saúde do corpo: fortalece a musculatura, promove flexibilidade e alongamento, molda a silhueta, corrige a postura e traz consciência corporal. Ela já se apresentou no Hotel Sheraton Cairo, e, apesar de convites para dançar internacionalmente (Egito, Emirados Árabes e Líbano), escolheu desenvolver seu trabalho no Brasil, fazendo shows por todo o país. Apresenta-se semanalmente em restaurantes e casas de shows em São Paulo. Foi convidada pelo diretor Jayme Monjardim e participou de alguns capítulos da novela “O Clone” (Rede Globo).

O SHOW

Normalmente, um show tem a duração de 20 a 30 minutos. Este tempo pode ser adaptado para o seu evento, ou ainda dividido em mais de uma entrada.

O CORPO DE BAILE

Depende da quantidade de convidados do seu evento. O ideal é uma bailarina para cada 25 convidados. Além disso, temos os bailarinos folclóricos que sempre são uma opção diferenciada para enriquecer o espetáculo.

OS ELEMENTOS CÊNICOS

As bailarinas realizam a dança do ventre clássica, com véus, e também com acessórios típicos, como: espada, bastão, snujs e candelabro. Os bailarinos apresentam as danças regionais árabes também utilizando acessórios.

A MÚSICA

A trilha sonora pode ser ao vivo ou gravada: uma escolha do contratante. O show será pleno com qualquer estrutura de produção, uma vez que sua concepção artística permite as duas possibilidades. A música ao vivo causa maior impacto pela interatividade e o consequente envolvimento do público. Optando pela trilha gravada, o cd será fornecido pelo grupo, porém o contratante fica responsável pelo equipamento de som.